Como abrir uma empresa: Oito dicas importantes

427

O conhecimento popular prega que é muito difícil abrir uma empresa no Brasil. De fato, todos os desafios referentes ao empreendedorismo somados aos detalhes técnicos do processo fazem com a tarefa não seja das mais fáceis. Por isso, separamos oito dicas pra você que deseja começar seu negócio:

Tenha uma boa ideia

O primeiro passo é encontrar a ideia certa de negócio. É legal que seja algo você goste, mas o mais importante é que seja algo viável. De nada investir em mercados saturados (hambúrgueres gourmet) ou modismos passageiros (paletas mexicanas). Procure fazer uma pesquisa sobre os setores emergentes e conversar com empresários mais experientes.

Reúna informações sobre o negócio

Depois de definir seu empreendimento, procure entender tudo sobre o assunto – principalmente se for algo fora da sua área de atuação. Faça um levantamento de dados na sua cidade e, se possível, converse com outros empreendedores do mesmo setor.

Elabore o contrato social

O primeiro passo para regularizar a sua empresa é o contrato social. Nele estão todas as informações referentes ao tipo de empresa, capital social, a relação entre os sócios e a divisão de lucros. Para agilizar o registro do seu contrato, você pode procurar o sindicato da categoria e ver se existe um posto avançado da junta comercial.

Escolha o regime tributário mais adequado

São três os regimes de tributação: o Simples (adequado para empresas menores, que faturam até R$ 2,4 milhões), o lucro presumido (para empresas médias ou de grande porte sem histórico de rendimentos, ou seja, que estão começando) e o lucro real (para empresas que devem apresentar lucros baixos ou inexistentes nos primeiros meses). O ideal é que você procure o auxílio de um contador para tomar a melhor decisão.

Escolha do imóvel e licenças.

A escolha do imóvel deve levar em consideração o público-alvo do estabelecimento, bem como a oferta de serviços similares. Na hora de fazer o contrato de locação, o mais adequado é pegar um prazo maior, de cinco anos. Um contrato de apenas um ano pode trazer problemas na hora da renovação.

Nessa hora é essencial conferir o Habite-se da propriedade. Quando a empresa já tem todos os documentos, como contrato social, CNPJ, inscrições e zoneamento, é possível conseguir um alvará de funcionamento.

Contratação de pessoal qualificado

De acordo com o tipo e a sazonalidade do seu negócio, é possível ver a melhor forma de contratar. Para bares e restaurantes, por exemplo, o contrato “a tempo parcial” é o mais indicado. Defina bem quais as necessidades da sua empresa e confira sempre as referências na hora de montar sua equipe.

Planejamento financeiro

Antes de abrir sua empresa, calcule todos os gastos que você vai ter para evitar surpresas mais pra frente. Considere todos os custos fixos e variáveis e não esqueça do fluxo de caixa,       pois pode demorar alguns meses pro seu negócio engrenar.

Outro detalhe importante: lembre-se de contabilizar também o valor do seu pró-labore.

Escolha um bom contador

O dia a dia de uma empresa é repleto de detalhes importantes e somente um contador qualificado pode lhe dar o auxílio necessário. Faça uma pesquisa vasta, peça por referências e não esqueça de sempre fazer uma pesquisa do registro do profissionalno Conselho Regional de Contabilidade – CRC.